Workshop de Maquiagem Artística com Cleber de Oliveira

Eu adoro uma sala de aula, e tive a sorte de começar o ano de 2015 com um workshop maravilhoso sobre maquiagem artística com Cleber de Oliveira, que foi oferecido gratuitamente pela Caixa Cultural aqui em Salvador.
Feliz da vida recebendo o certificado

Feliz da vida recebendo o certificado

Apesar de trabalhar mais com maquiagem social / publicidade / moda, eu fiquei animadíssima em poder participar desse curso pois foi uma chance rara de aprender sobre esse tipo de maquiagem aqui na minha cidade com um profissional tão renomado e ainda por cima de graça! E foram mais de 250 candidatos para pouco mais de 30 vagas! Eu tive mesmo muita sorte!
Bom, antes de entrar em detalhes, vou lembrar que Cleber ministra workshops pelo Brasil inteiro, então vale a pena ficar atento ao que ele posta em suas redes sociais para acompanhar a programação e se inspirar com o seu trabalho:
http://www.ateliecleberoliveira.com
facebook: Cleber de Oliveira
@cleberdeoliveiramakeup
Exercício de estrutura de rosto com pr[atica do degradê

Exercício de estrutura de rosto com prática de degradê

Falando do curso, duas coisas foram muito fortes pra mim logo de cara: a primeira é o próprio Cleber. Não só o trabalho que ele faz, mas a pessoa que ele é: super gente boa, objetivo, observador, crítico e ao mesmo tempo incentivador e carinhoso. E detalhe: muito batalhador! Ele contou que maquia há mais tempo, mas começou profissionalmente mesmo há 6 anos, o que é muito pouco tempo para tantas conquistas! Que história de vida inspiradora!

Eu adoro quando conheço grandes nomes da maquiagem e me apaixono, não só pelo trabalho, mas também pela pessoa, sabe? Porque a gente se inspira não só com as criações, mas também com o criador, e isso nos impulsiona a batalhar mais na nossa profissão! Cleber já virou um querido meu e de todos os alunos, e isso é pra vida, não só pra maquiagem!

Exercício de criação de personagem a partir de um adereço. Minha inspiração foi a Cruella dos 101 Dálmatas, haha!

Exercício de criação de personagem a partir de um adereço. Minha inspiração foi a Cruella dos 101 Dálmatas, haha!

A segunda coisa é a diferença (e bota diferença nisso) entre maquiagem social e artística! Não estou falando só do resultado final, mas dos produtos e das técnicas também! Em certos momentos, eu tinha plena consciência de que minhas aulas de desenho estavam me ajudando mais até do que meus conhecimentos de maquiadora! Foi muuuuito interessante, me fez raciocinar a maquiagem de uma forma totalmente nova, foi um baita exercício para mim!

E foi tanto aprendizado que até os meus trabalhos costumeiros de maquiagem social ganharam um “boost” de criatividade! Ter brincado tanto com cores, personagens, texturas, materiais novos me fez “soltar mais a mão”, ousar mais, o que é muito bacana! Por isso eu sempre digo que todo curso vale a pena, mesmo quando o assunto é um pouco distante da nossa realidade de trabalho! Amei o curso e recomendo a qualquer maquiador!
Exercício final: construção de personagem a partir da imagem de um pássaro. Ameeeeei o desafio!

Exercício final: construção de personagem a partir da imagem de um pássaro. Ameeeeei o desafio!

A partir daqui o post vai ficar bem chatinho para a maioria de vocês, me perdoem… Mas eu quis registrar as dicas mais importantes que aprendi durante o curso na esperança de que algum curioso ou colega de profissão ache interessante. Fora que serve de anotação pessoal minha para estudos futuros, hehehe…
PRIMEIRA DICA: O PERSONAGEM
A maquiagem artística é usada para a construção de personagem, então todo o elemento que vc adiciona à maquiagem tem que ter o propósito de reforçar a identidade desse personagem. Tenha isso sempre em mente. Adicionar traços aleatórios só pra preencher espaço vazio na maquiagem não vale.

SEGUNDA DICA: A PESQUISA
Busque imagens que lhe inspirem, mas evite trabalhos de outros maquiadores, pois ao invés de criar, você pode acabar reproduzindo o trabalho alheio. Use um face chart com 3 rostos para vc desenhar a maquiagem passo a passo.

TERCEIRA DICA: A CONSTRUÇÃO
Você vai usar a estrutura de rosto que já existe ou vai construir uma nova? Todos os traços podem ser aproveitados ou desconstruídos, seja com o jogo de luz e sombra ou com a aplicação de adereços e próteses de látex, depende do que o personagem requer. Lembre que tudo é possível: aumentar nariz, diminuir testa, apagar sobrancelha…

QUARTA DICA: O CONTRASTE
Durante a execução da maquiagem, as cores serão aplicadas e esfumadas. Fique atento para que o efeito geral seja harmonioso. Se você esfumar demais, possivelmente não haverá contraste entre uma cor e outra e a maquiagem perderá a definição (principalmente num palco, onde a distância e a iluminação “apagam” boa parte do que foi feito). Então, se achar necessário, reforce as cores da maquiagem.

QUINTA DICA: A “POEIRINHA”
Cleber fala muito da importância de um bom esfumado, da cor ir sumindo, sumindo até virar o que ele chama de “poeirinha”. Precisamos trabalhar os esfumados de forma que não haja nenhuma marca de transição. Esse é o ponto mais importante do acabamento da maquiagem.

Anúncios

O mito da pele perfeita

Eu costumo conversar bastante com os meus colegas maquiadores sobre pele, especialmente sobre o que chamamos de “o mito da pele perfeita”, que muitas vezes impera sobre a imaginação dos nossos clientes e dificulta o nosso trabalho.

Screen-shot-2012-08-24-at-2.24.54-PM

Nem a cor dos olhos de Madonna escaparam do photoshop…

Bom, não é à toa que esse ideal de pele caiu de vez no gosto de grande parte das mulheres… São inúmeros os exemplos de celebridades e modelos em capas de revistas e campanhas publicitárias exibindo peles (e corpos também!) tratados à perfeição por programas de edição de imagens… Até pessoas não famosas têm usado desses mesmos recursos para editar as fotos que postam no instagram ou noutras mídias sociais, buscando atingir esse padrão de beleza tão difundido porém completamente irreal!

Diante disso tudo, muitas vezes as pessoas esperam da maquiagem um verdadeiro milagre, um photoshop disfarçado de cosmético, o que não é verdade… Em primeiro lugar, é bom esclarecer que maquiagem só consegue corrigir problemas de COR, mas não de TEXTURA, por exemplo: um bom corretivo pode tirar a vermelhidão de uma espinha, mas não consegue diminuir o seu volume. Aquele inchadinho vai continuar lá, não tem jeito. Ainda assim, alguns problemas leves de textura como poros dilatados e pequenas linhas de expressão podem sim ser amenizados (nunca corrigidos completamente) com a ajuda de um bom primer, o que já é muito bom!

O "antes" de

Nem as atrizes jovens de pele perfeita escapam…

Então, na hora da maquiagem, eu acredito que o ideal é buscar o equilíbrio ao invés de tentar corrigir 100% de uma mancha ou olheira, pois a chamada “camuflagem” tem um preço que pode ser muito alto! A regra básica é: quanto mais corrigimos uma pele, menos natural ela fica, simples assim. E entre ter uma pele com defeitos amenizados e ter algo “perfeito” sem cara de pele, eu prefiro a primeira opção, sem sombra de dúvidas.

É verdade que hoje contamos com produtos de alto desempenho, que têm uma concentração tão grande de pigmento que não precisamos usar grandes quantidades sobre a pele para obter uma correção satisfatória, mas se perdermos esse ponto de equilíbrio que tanto defendo, podemos trocar uma queixa do tipo “Lu, socorro, eu odeio minha olheira” por outra pior ainda “Lu, essa pele está muito pesada” e aí aquele esforço todo terá sido em vão.

Angelina Jolie: Será que precisava mesmo "melhorar" o que já era naturalmente tão lindo?

Angelina Jolie: Será que precisava mesmo “melhorar” o que já era naturalmente tão lindo?

Na prática, precisamos avaliar algumas coisas para saber até onde podemos ir com a correção: o quanto aquela pele segura em termos de produto (quanto melhor a sua textura, mais produto ela consegue segurar), em que clima estamos (se for muito quente e úmido, não dá pra caprichar na quantidade nem na espessura das camadas), de qual ocasião estamos falando (eventos à luz do dia denunciam logo o excesso de produto, por exemplo, enquanto studios fotográficos podem ajustar luz e ângulo para favorecer a maquiagem da melhor forma possível), entre outros aspectos. Sim, é muita coisa pra se levar em conta, por isso eu digo que maquiar é resolver uma equação de mil variáveis em poucos segundos.

Fato é que maquiagem não é tratamento de pele instantâneo, e muitas vezes precisamos explicar isso a quem estamos atendendo (e até a nós mesmos). E como disse Barbara Migliori no seu último vídeo com a Vic Ceridono, melhor investir nos cuidados com a pele para poder pegar leve na maquiagem do que cuidar mal da pele e ter que compensar usando um monte de corretivo, não é mesmo?

Sobre o meu dia de noiva

É muito comum eu comentar aqui sobre noivas: a prova da maquiagem, o atendimento personalizado, as maquiagens que servem de inspiração… Tudo sob a perspectiva do profissional maquiador, mas eu também já fui noiva!! Já estive do outro lado da história, e hoje eu vim aqui contar um pouco do que eu vivi no dia do meu casamento e passar algumas dicas para as que estão a caminho do grande dia.

Rony em ação arrumando o meu cabelo. Profissional de mão cheia que hoje cuida de toda a família, até corta o cabelo do meu filho, ahahaha!

Rony em ação arrumando o meu cabelo. Profissional de mão cheia que hoje cuida de toda a família, até corta o cabelo do meu filho, ahahaha!

Bom, eu e Bruno nos casamos pela manhã, e como naquele horário nenhum salão estaria aberto, eu marquei com 2 profissionais às 6 da manhã lá em casa: um iria arrumar os cabelos e outro faria as maquiagens, (seríamos eu, minha mãe, minha irmã e minha sobrinha). Chegamos a fazer a prova dos penteados com antecedência, até aí tudo certo, só que no grande dia o maquiador não veio!!! Sim, vocês leram certo, eis que num sábado de manhã, quando todos os salões ainda estavam fechados (ou seja, sem plano B), o maquiador não apareceu!

Eu maquiando Nany, que também era madrinha.

Eu maquiando Nany, que também era madrinha.

Chegamos a tentar falar com ele, mas hoje não lembro se o celular deu na caixa ou se ele não atendeu, fato é que eu não conseguimos nos falar. Quando estava saindo de casa ele me ligou dizendo que havia passado mal, pediu desculpas e tudo mais.

Graças ao bom Deus eu estava muito calma, e como já entendia bem do assunto, fiz a minha maquiagem, a da minha irmã, finalizei a da minha mãe e ainda passei um gloss + blush na minha sobrinha! Fiz a geral, ahahaha!

Eu fazendo os últimos detalhes da maquiagem da minha mãe. Que aventura!

Eu fazendo os últimos detalhes da maquiagem da minha mãe. Que aventura!

Uma coisa que eu usei e que deu super certo foi um batom de longa duração. Na época, a Mac era uma das poucas marcas que tinha esse tipo de produto, era o pro longwear lipcolour, e realmente segurou lindamente a festa toda! Recomendo para as noivinhas de plantão! Hoje, a Maybelline tem esse produto também com uma variedade até maior de tons e um preço mais amigo.

E outra coisa que eu achei bem interessante foi o fato de ter sido atendida em casa. Na época isso ainda não era moda, e eu só fiz porque não tinha jeito, mas achei muito melhor ser atendida no meu canto, sem agonia de salão cheio, o profissional todo dedicado a mim e às outras familiares sem ter que me descolar até ele, nem levar vestido e um monte de outras coisas para me arrumar lá, sabe? Acho que foi esse ambiente tranquilo que me ajudou a administrar tão bem a falta do maquiador. É um clima muito gostoso e intimista, eu recomendo a todas as noivas!

foto básica olhando pra baixo para vocês verem os detalhes da make.

foto básica olhando pra baixo para vocês verem os detalhes da make.

No fim deu tudo certo, fiquei super satisfeita com o resultado da maquiagem e ainda fiquei com essa história meio cômica, meio trágica pra contar! E hoje, toda vez que conto essa saga para as minhas clientes eu brinco dizendo que eu fui a primeira noiva que maquiei! Ahahaha!

Trend Alert!!! Batom e roupa combinando (o quê?!)

Pois é, gente, é isso mesmo o que vocês leram! Nessa última semana nós tivemos dois eventos de tapete vermelho fortes, cheinhos de celebs usando makes inspiradoras: os VMAs e os Emmys, e dentre os vários looks, percebi uma mini tendência que é combinar o tom do batom com o tom do vestido! E a gente tem que amar quando uma regra de make como essa é quebrada justamente no red carpet, não é? Vamos dar uma olhadinha nos looks:

Demi Lovato

January Jones

January Jones

Claire Danes

Claire Danes

Demi Lovato, January Jones e Claire Danes foram de “lady in red”, aha! Para quem acha que fica demais, que chama muita atenção em quem é branquinha, eis exemplos de como pode funcionar muito bem, tanto em um look mais ousado como o da Demi quanto em propostas mais clássicas como as de January e Claire.

Gwen Stefani

Gwen Stefani

E não é só de vermelho que vive o mundo dos batons fortes, né? Olha aí a Gwen Stefani arrasando um look pink fúcsia!

Natalie Dormer

Natalie Dormer

Kesha

Kesha

Halle Berry

Halle Berry

Já no mundo dos tons mais leves, o coral de Natalie Dormer, o nude Kesha e o rosa antigo Halle Berry. Belíssimas!

Além delas, também precisamos mencionar aquelas que foram com looks inspiradores, mesmo fora dessa micro tendência, não é mesmo?

jennifer-lopez-mtv-vma-2014

J Lo tem um estilo de make que agrada muito a nós, brasileiras. Ao invés de combinar o batom, ela adora combinar as sombras com o tom do seu vestido, e sempre faz isso com um olho bem esfumado, né?

Kylie Jenner

Kylie Jenner

Sarah Hyland

Sarah Hyland

No time das jovens com batom-colorido-porém-não-vibrante, Kylie Jenner e Sarah Hyland arrasaram com esses tons terrosos.

Kelly Osbourne

Kelly Osbourne

emmy-2014-claudinha-stoco-7

Já no time das jovens mais ousadas, o destaque vai para Kelly Osbourne e seu olho azul bebê + delineador gatinho (acho que é um tom roxo, e não preto) + cílios poderosos + boca e bochechas rosadas. Eu ameeeei esse look!

Julia Roberts

Julia Roberts

Mas no conjunto total, pra mim a melhor foi Julia Roberts! Como está cada vez mais linda, é impressionante! E como ela não é boba bem nada, foi de make e cabelo “tipo linda” e arrasou num Elie Saab curto. Resultado: ficou com cara de 26 anos, e não os 46 originais.

 

Gente, hoje eu participei de um evento super bacana da Eudora lá no Soho da Bahia Marina para apresentar em primeiríssima mão dois lançamentos da marca: a linha masculina Trip Itacaré que tem deo colônia e shower gel inspirados nesse destino paradisíaco baiano (achei o cheiro super bom, forte mas fresco ao mesmo tempo, sabe?) e a linha de maquiagem Belle Cetim, aposta da marca para o próximo verão que será lançada no mês que vem e que está belíssima!
foto 1(1)
No almoço, tive o prazer de conhecer Lavoisier, makeup artist da marca de quem sou fã, e conversamos um pouco sobre a carreira dele, como ele começou na Eudora, as campanhas que ele assina, as celebridades que ele maquia… E falando do produtos da Eudora, ele me contou do bronzer que ele usa sempre em Claudia Leitte, a sombra baked rose cetim que ele usa como iluminador, o fixador de maquiagem que ele usa em Claudinha no carnaval… Babado: ele disse que ela nunca para pra retocar a make quando está em cima do trio, então esse fixador realmente deve ser o máximo porque a danada fica pulando e cantando debaixo de sol por 6 horas!!! Fiquei curiosérrima!
foto 2(1)
foto 2
Além desses produtos que ele citou, achei bárbaro o trio de sombras bronze divino, que tem aquela combinação básica que todo mundo precisa: preto, marrom e bege, e o blush pêssego poder, que é aquela cor quente que a gente quer no verão, tipo um coral/pêssego sem muito brilho. Os batons são mais hidratantes e vêm em 3 tons. No press kit também tinha o novo CC cream livre de óleo e com FPS30 que estou doida pra testar porque tenho usado muito o BB da L’Oréal no dia a dia e estou amando essa proposta mais leve. Fora esses produtinhos, fiquei com muita vontade de conhecer o pincel duofiber da marca que @tukasampaio (a.k.a. Capricha no Blush) me disse que ama de paixão, acha até melhor que o da MAC, olha só!
foto 1
Além de Lavoisier e da equipe Eudora, que foram super atenciosos, revi uma galera querida: Phaedra do A Tarde Moda, Kelly do Chic Fashion Trends, Marcele do Sutiã de Bolinha, Luã do Damn Paris, Sandy do The Cool Days… E conheci alumas pessoas cujo trabalho eu já acompanhava como Martinha do Armário de Madame e Tuka do Capricha no Blush! Foi fantástico!

Campanha Liquida Salvador Shopping Barra

Saiu! Quem me acompanha no instagram (@luisasuassuna, me segue lá!) sabe que há algumas semanas eu participei de um shooting para uma campanha e olha só o resultado!

Camanha estampada na fachada do shopping

Campanha estampada na fachada do shopping

É a campanha do Liquida Salvador do Shopping Barra! Que contou com a presença das lindas Carol Lisboa (da L Deluxe Store), Cris Rocon (do Rock de Saia) e Kelly Pinheiro (do Chic Fashion Trends). Elas foram convidadas, não só para estampar a campanha, mas para escolher seus looks favoritos da liquida. Ideia bacana e original, eu achei.

Infelizmente não maquiei a Cris. Ela estava viajando no dia e não pude conhecê-la/embelezá-la. Adriano Furquim do Fernando Sozza assinou os cabelos e o resultado ficou muito bacana!

Tietando  Kelly

Tietando Kelly

e Tietando Carol Também!

e Tietando Carol também!

A equipe era muito legal, tudo fluiu, as meninas ficaram lindas… Show! Saí pela cidade tirando essas fotos porque fiquei muito feliz em ver o meu trabalho espalhado pela cidade!

Outdoors espalhados pela cidade

Outdoors

Quiosque da liquida dentro do shopping

Quiosque da liquida dentro do shopping

Totens espalhados pelos corredores do shopping

Totens espalhados pelos corredores do shopping

E adorei conhecer Carol, que é uma fofa e muito linda! Kelly, que por sinal entende muuuuito de maquiagem, eu tinha conhecido na inauguração de uma loja de maquiagem há uns meses atrás e é um doce de pessoa, trocamos várias figurinhas sobre o assunto! Tentei tirar fotos mais de perto para vocês verem o efeito das makes.

IMG_7357

IMG_7358

E quem quiser conferir, a liquida vai até o dia 17/07 e os looks escolhidos pelas meninas estão nas redes sociais do Shopping!

Uma mãe de noiva especial

Hoje é dia internacional das mulheres (parabéns para nós!) e lembrei dessa mãe de noiva muito querida. A história que vou contar é bem simples, mas mostra um pouco de como essa sensibilidade feminina nos ajuda em nosso trabalho.
Rê, a mãe da noiva, começando as comemorações!

Rê, a mãe da noiva, começando as comemorações!

 Bom, ela virou pra mim e pediu uma maquiagem bem leve, “pouca coisa”. Disse que não tinha costume de usar muita maquiagem no dia a dia e a única coisa que ela fazia questão era que eu corrigisse um pouco da vermelhidão ao redor da boca e no queixo. Instruções simples como essa, por incrível que pareça, não dizem muita coisa para o maquiador, porque por mais simples que a maquiagem seja, ainda usaremos os mesmos produtos de uma maquiagem mais “complexa”, só que numa variedade menor, em cores mais neutras, aplicação mais suave… Além do mais, o que pra mim é pouca coisa pra você pode ser muito; a percepção que cada um tem da maquiagem é muito subjetiva e pessoal… Fica para o maquiador interpretar o que é “maquiagem leve” para aquela cliente e traduzir isso em produtos, cores e técnicas de aplicação. Tarefa nada fácil!
Aí é que vem a tal da sensibilidade! Eu vou chamar de sensibilidade feminina apenas porque sou mulher, mas na verdade é uma sensibilidade comum a todos os maquiadores mais atenciosos e certamente uma das nossas ferramentas de trabalho mais preciosas!
Mãe e filha brindando!

Mãe e filha brindando!

Meu pai diz que mais importante que saber a resposta é saber perguntar, e eu concordo. Se a cliente usa pouca maquiagem, não faça perguntas muito diretas. Ela não vai saber responder e vai ficar insegura em relação ao resultado do seu trabalho. Sonde tons que ela não gosta, a parte do rosto que ela gostaria de realçar mais, se alguma coisa a desagradou na última maquiagem que ela fez com um profissional… Enquanto isso vá “lendo” a forma com que ela fala e age, como se veste, idade, tipo de pele, tom de cabelo, formato de rosto… Tudo isso nos ajuda a imaginar o resultado final que teremos com a make.
1932304_10152085388492949_1674432083_n
Essa foto é um flagra do momento em que ela me agradeceu dizendo que aquela era a maquiagem mais linda que já tinham feito nela até então! Ganhei o dia (a semana!) com esse elogio e atribuí essa minha conquista à minha sensibilidade muito mais que à minha capacidade técnica! Eu poderia ter feito a minha maquiagem leve favorita, no capricho, e não teria escutado o mesmo elogio. Coisa boa é quando a gente tem a delicadeza de ir até a cliente e se abre para o que ela nos oferece!
Resultado final da maquiagem!

Resultado final da maquiagem!

Olha só agora com o cabelo solto! Muito linda!

Olha só agora com o cabelo solto! Muito linda!

Um obrigada especial a todas as mulheres que me ensinaram tanto ao longo desses anos cedendo gentilmente seus rostos e confiando no meu trabalho! E um obrigada especial a Lu e Rê Rieper pelo carinho e pelas fotos tão lindas! Um ótimo dia internacional das mulheres para todas nós!