Casamento na Preguiça

Esse é um dos trabalhos mais queridos que fiz até hoje! E não digo isso pelo resultado belíssimo nas fotos que vocês conferem abaixo, mas porque tudo envolveu muito carinho, desde a ideia até a equipe envolvida.

Queríamos um ensaio de noiva fora do lugar comum. Que falasse da luta do feminino, da mulher que se casa sem que nenhum homem “a entregue” a outro. Um ensaio que desse lugar não apenas a essa, mas a outras vozes tantas vezes emudecidas: aos moradores da Ladeira da Preguiça, que só viram pauta quando encurralados pela especulação imobiliária, vítimas de preconceito e da falta de apoio dos governantes (mas que generosamente nos receberam de braços abertos).

A locação urbana, enriquecida com a arte do graffite de Sista Katia, o dia ensolarado. A noiva negra, de cabelo solto, sem véu nem buquê, mas com glitter na boca. O vestido rendado, a orquídea de crochê, a saia transparente, os pés descalços. Que lindeza! Que força!

Espero que gostem!  Minha gratidão a toda a equipe:

Modelo: Vanessa Ventura do Belícia, que fez um texto belíssimo sobre toda a experiência aqui.

Fotografia: Fabíola Freire e Wendel Wagner da Caixa de Fósforo

Locação: Ladeira da Preguiça (com apoio do Centro Cultural Que Ladeira é Essa? liderado por Gabriel Silva, Marcelo Teles e Crislene Oliveira)

CF-20161009-0021CF-20161009-0096CF-20161009-0062CF-20161009-0270CF-20161009-0223CF-20161009-0229CF-20161009-0289CF-20161009-0367CF-20161009-0328CF-20161009-0448CF-20161009-0389CF-20161009-0406CF-20161009-0484CF-20161009-0499CF-20161009-0518

 

Anúncios